Mãe deixa filho de 2 anos como ‘garantia’ em boca de fumo

Compartilhe

Publicado em 21 de julho de 2022.

Uma criança de 2 anos foi deixada em uma boca de fumo como garantia de pagamento, enquanto a mãe se prostituía para arrecadar o valor que deveria ser pago aos traficantes. O caso foi registrado na última terça-feira (19), no bairro Padre Onesto Costa, em Primavera do Leste (231 km ao sul de Cuiabá). Nove pessoas que faziam uso de drogas foram presas durante o resgate da criança.

De acordo com o boletim de ocorrência, a Polícia Militar foi acionada por volta das 09h05, pelo Conselho Tutelar do município, para dar apoio em uma denúncia em que dizia que uma criança teria sido deixada pela mãe com estranhos para garantia de um pagamento.

As autoridades foram até o local e encontraram a criança. Durante a abordagem foi encontrado algumas pessoas fazendo o uso de entorpecente. Ao serem questionadas, elas alegaram que a mãe teria deixado a criança para se prostituir e retornar com o valor da dívida da droga. 

Diante da situação, os noves usuários entre homens e mulheres, foram encaminhados a delegacia. A criança está sob os cuidados do Conselho Tutelar do município. 

Por Vithoria Sampaio / Gazeta Digital.

 

Publicar Comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *. Preencha os campos

*